Segunda-feira, junho 27, 2022

Em Paris, o melhor é de graça

revistaDestinos turísticosEm Paris, o melhor é de graça

Paris é considerada uma das cidades mais caras do mundo, mas na Cidade das Luzes as coisas mais bonitas são de graça. Ao lado do amor, que é gratuito, visite os diversos atrativos desta cidade. Esta cidade fascinante, muitos turistas injustamente negligenciados em favor de Versalhes e Disneyland. Panteon não é apenas um belo edifício, mas também um lugar onde estão os túmulos dos grandes pensadores Voltaire e Rousseau. Com a cúpula oferece talvez a melhor vista de Paris.

Notre Dame fica perto da Basílica de São Pedro em Roma, definitivamente a igreja mais fotografada do mundo. Além desta igreja do século XII, a entrada para os demais objetos sagrados é gratuita. Uma forte recomendação é ir a Montmartre para a igreja Sakrker (Sagrado Coração), de cujos terraços pode ver Paris na palma da mão. Além da igreja mais antiga da cidade, a Igreja de São Pedro, que foi construída sobre as fundações de um templo dedicado ao deus Marte.

O Centro Pompidou é um paraíso para os amantes da arte moderna, com uma visão vanguardista da arquitetura, o lugar certo para tomar um café e ver a exposição de graça.

- Propaganda -

Per Lashez é o cemitério mais famoso do mundo. Em vez disso, é um jardim com obras de arte. Aqui você pode ver mausoléus, santuários, monumentos Balkazu, Proust, Molière, Oscar Wilde, Chopin, Sarah Bernhardt, Isidora Duncan e, claro, Jim Morrison.

Pale Royal esconde muitos segredos, especialmente o restaurante “Grand Vrfur” onde Napoleão, Balzac e Proust almoçaram. Este palácio é um tesouro escondido para relaxar, passear, desfrutar do jardim entre as rosas, como fazia Simon de Beauvoir quando estudante.

Os parques, parte inseparável de uma visita a Paris, são totalmente gratuitos. A visita ao parque de Luxemburgo é obrigatória para os turistas com crianças, pois ali está o carrossel mais antigo e o teatro de fantoches Gunjol. No quinto arrondissement fica um jardim botânico, assim como o zoológico mais antigo da Europa, com entrada paga. Atrás do parque estão a Grande Mesquita e o Instituto Árabe, onde no último andar se pode beber chá de menta barato.

As feiras da ladra são uma invenção parisiense e cada parte da cidade tem o seu próprio mercado. Nas feiras da ladra, fazer compras é extremamente conveniente. Trabalho aos sábados e domingos até às 13 horas.

Durante o verão, os turistas podem desfrutar de um jantar gratuito. No maior parque parisiense, De la Villette em julho e agosto filmes gratuitos realizados. A situação é semelhante em outros parques. Em Paris no domingo à noite organizando uma série de shows gratuitos por 90 anos! e o programa da Notre Dame é gratuito, mas quem ama jazz deve ir ao Floral Park.

Poucas pessoas sabem que a federação francesa de chefs para promover seu país há anos organiza muitos cursos de culinária gratuitos. A maioria deles é durante a feira de alimentos. Outra forma de ser livre é comer em pé ao lado do bar. Em muitos bares como o “Le Bouillon Belz” com cerveja oferecem conchas ou batatas fritas grátis, bem como fins de semana no café “TRIBAL”. Café “Três Irmãos” Quinta-feira com cuscuz servido com enchidos.

Mais popular